27 de November de 2021

NOTICIAS

Começa campanha eleitoral na Nicarágua com protocolo sanitário

Começa campanha eleitoral na Nicarágua com protocolo sanitário

Manágua, 25 set (Prensa Latina) Os sete partidos e alianças inscritos para participar das eleições gerais de 7 de novembro na Nicarágua iniciam hoje a campanha eleitoral, marcada por um rígido protocolo sanitário.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

A situação marcada pela pandemia global da Covid-19, desta vez, encurtou o período de proselitismo em busca do voto, que vai até o dia 3 de novembro, para quatro datas do exercício democrático ditado por lei.

O Conselho Superior Eleitoral (CSE) e o Ministério da Saúde (Minsa) apresentaram nesta segunda-feira um acordo conjunto sobre o protocolo de saúde para prevenir a Covid-19 que os partidos políticos devem respeitar durante a disputa.

Os partidos políticos e alianças não podem realizar eventos de massa durante a campanha eleitoral, estabelece o regulamento.

Os eventos presenciais não podem ultrapassar a capacidade de 200 pessoas e a duração foi fixada em no máximo uma hora e meia.

Também será necessário cumprir os protocolos de saúde para a prevenção da Covid-19, como o uso obrigatório de máscaras, distância de dois metros entre as pessoas e medição da temperatura ao entrar na área da reunião de proselitismo.

O acordo CSE-Minsa proíbe a realização de caravanas a bordo de ônibus, motocicletas, automóveis, automóveis ou qualquer outro meio de transporte.

Para este sábado, a governante Frente Sandinista de Libertação Nacional, à frente de uma aliança, iniciará a campanha neste sábado com um ato em homenagem ao Herói Nacional Benjamin Zeledón (1879-1912), disse o representante legal da organização rubro-negra, deputado Edwin Castro.

msm / fgn /ml

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.