29 de November de 2021

NOTICIAS

OMS entrega 23 toneladas de alimentos e medicamentos ao Afeganistão

OMS entrega 23 toneladas de alimentos e medicamentos ao Afeganistão

Cabul, 14 set (Prensa Latina) A Organização Mundial da Saúde (OMS) enviou um avião carregando 23 toneladas métricas de medicamentos e suprimentos para o Afeganistão como parte da primeira ajuda humanitária a chegar ao aeroporto de Cabul, foi anunciado hoje.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

O Diretor-Geral da OMS, Dr. Tedros Adhanom Ghebreyesus, agradeceu ao Qatar pelo apoio fornecido por uma de suas aeronaves para reabastecer os estoques esgotados e atender às necessidades dos mais vulneráveis do país, informou a agência de notícias afegã Pajhwok.

Um segundo voo da Qatar Airways doado pelo Qatar deverá chegar em Cabul no final desta semana com mais suprimentos médicos da OMS.

As duas remessas de medicamentos essenciais como insulina, consumíveis médicos, trauma, cirúrgicos e kits de testes Covid-19 atenderão às necessidades urgentes de saúde de 1,45 milhões de pessoas e permitirão a realização de 5.400 cirurgias maiores e menores.

A carga da OMS será distribuída para 280 centros de saúde e 31 laboratórios públicos Covid-19 no Afeganistão, informou uma declaração.

A agência da ONU, especializada na gestão de políticas de prevenção, promoção e intervenção sanitária, também está explorando opções para agilizar mais remessas de suprimentos de saúde para o Afeganistão, acrescentou a fonte.

Desde 30 de agosto, a Organização Mundial da Saúde já transportou 131 toneladas métricas de suprimentos para atender às necessidades urgentes de saúde de 2,43 milhões de pessoas e realizar 19.000 procedimentos cirúrgicos maiores e menores.

npg/abm/bm

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.