28 de November de 2021

NOTICIAS

Debatem impacto das medidas coercitivas contra Cuba e Venezuela

Debatem impacto das medidas coercitivas contra Cuba e Venezuela

Caracas, 10 set (Prensa Latina) Especialistas em economia abordaram o impacto das medidas coercitivas unilaterais adotadas pelos Estados Unidos contra Cuba e a Venezuela, informou hoje o Movimento de Amizade e Solidariedade Mútua entre os dois países.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

O fórum online contou com a presença do vice-presidente da Associação Nacional dos Economistas e Contadores de Cuba (ANEC), Ramón Labañino, e do deputado Jesús Faría, presidente da Comissão de Finanças e Desenvolvimento Econômico da Assembleia Nacional (Parlamento) da Venezuela.

Labañino afirmou que a nação caribenha permanece fiel aos seus princípios para a construção de uma sociedade mais justa, apesar do bloqueio exercido há mais de seis décadas pelo governo dos Estados Unidos, agravado ainda mais com 243 sanções aplicadas pelo governo Donald Trump (2017-2021) e continuado por Joe Biden.

Segundo nota de imprensa, o vice-presidente da ANEC destacou os indicadores sociais exibidos pela ilha e o esforço das autoridades para atender às necessidades da população, mesmo quando persistem as dificuldades geradas pela política criminosa de Washington.

Por sua vez, o Deputado Jesús Faría destacou os aspectos fundamentais das sanções implementadas pelos Estados Unidos contra a economia venezuelana, que se combinam com o cerco comunicacional e diplomático, ameaças de agressão e financiamento de mercenários e terroristas.

O economista e dirigente socialista destacou que a guerra econômica declarada contra a Venezuela no âmbito econômico e financeiro, visa gerar condições adversas para a população, através da destruição da indústria do petróleo, roubo de ativos e bloqueio de contas no exterior.

Os participantes do fórum virtual concordaram sobre a importância de promover a integração e a unidade binacional e regional para garantir o bem-estar dos povos diante das agressões dos Estados Unidos.

mem / wup / hb

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.