16 de January de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Baixa frequência escolar no Chile após abertura das escolas

Baixa frequência escolar no Chile após abertura das escolas

Santiago do Chile, 4 set (Prensa Latina) Apesar dos esforços do Ministério da Educação do Chile para reabrir escolas graças ao recuo da Covid-19, a frequência às aulas continua extremamente baixa, diz um estudo hoje.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Isto se reflete em dados de uma pesquisa sobre o sistema escolar na pandemia, desenvolvida pelo Centro de Pesquisa Avançada em Educação da Universidade do Chile e a Escola de Governo e o Instituto de Sociologia da Universidade Católica, publicada por biobio.cl.

A amostra indicou que após o início do ano letivo em 1ú de março, as autoridades educacionais conseguiram que as escolas reiniciassem gradualmente até chegar a 80%.

Este percentual atingiu 90% nas escolas subsidiadas e privadas, embora tenha caído para 61% nas administradas pelos municípios, pois muitas áreas têm relutado em voltar às salas de aula porque não têm todas as garantias de saúde.

Entretanto, o Ministério espera que outros 20% das escolas municipais abram suas portas este mês.

Entretanto, de acordo com a pesquisa, a frequência dos alunos permanece extremamente baixa, com apenas 40% da capacidade fornecida pelas escolas, a maioria das quais estabelece um máximo de apenas 15 alunos por sala de aula, em média.

A este respeito, Juan Pablo Valenzuela, pesquisador da Universidade do Chile, considerou necessário trabalhar duro com as famílias para que elas recuperem a confiança e enviem seus filhos para aulas presenciais.

A questão tem causado polêmica no país, com o constante confronto entre a Associação de Professores e o Ministério da Educação.

A liderança do sindicato criticou o governo por querer forçar a abertura de escolas sem garantias sanitárias suficientes, especialmente quando todas as escolas não preenchem as mesmas condições.

Mas os especialistas também destacam a importância da modalidade presencial, pois uma parte considerável dos alunos não tem recursos para as aulas à distância, o que aprofunda ainda mais a lacuna que atinge os setores sociais mais vulneráveis.

ga/rc/vmc

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.