5 de December de 2021

NOTICIAS

Irã defende interesses nacionais no diálogo nuclear

Irã defende interesses nacionais no diálogo nuclear

Teerã, 1 set (Prensa Latina) 'O Irã colocará seus interesses nacionais antes de qualquer proposta de retorno dos Estados Unidos ao Plano Integral de Ação Conjunta (PIAC) ou acordo nuclear', enfatizou hoje um despacho da agência de notícias Mehr.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

A fonte revisou declarações do deputado Abolfazl Amouel, da Comissão de Segurança Nacional e Política Externa, que afirmou que a República Islâmica não está disposta a se sacrificar pelo retorno estadunidense ao PIAC.

Em qualquer caso, acrescentou, Washington deve reconhecer os direitos iranianos, caso contrário, frisou, vai se opor ao retorno dos EUA ao pacto.

‘As negociações em Viena, Áustria, entre o Irã e o grupo 4 + 1 (Reino Unido, França, Rússia e China mais Alemanha) contemplaram como determinar o retorno de Washington ao tratado multilateral, não uma renegociação’, disse ele.

Os estadunidenses não cumpriram os compromissos emanados da Resolução 2231 do Conselho de Segurança da ONU, que protege o PIAC, explicou, e após seis rodadas de diálogo tentam manter as sanções anti-iranianas em vigor.

‘O que tem impedido de chegar a um acordo é a abordagem extravagante dos Estados Unidos e enquanto a mantiver, o Irã rejeitará seu retorno ao pacto’, disse ele.

Teerã insistiu que retomará suas obrigações nucleares após a eliminação total das medidas opressivas impostas pelo governo do presidente Donald Trump, que em 2018 retirou os Estados Unidos do pacto selado em 2015.

O governo Biden continua na mesma linha de Trump, apesar das promessas de desfazer as ações de seu antecessor e voltar ao pacto.

ga/arc/cm

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.