1 de December de 2021

NOTICIAS

Teme-se catástrofe sanitária no Iraque

Teme-se catástrofe sanitária no Iraque

Bagdá, 17 jul (Prensa Latina) O diretor do hospital Al Kindi da capital, Sarmad Al Qarlousi, alertou hoje sobre a possibilidade de uma catástrofe sanitária no Iraque devido à falta de proteção dos cidadãos contra a pandemia de Covid-19.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

‘Entramos na terceira onda e temos que estar preparados’, alertou, dizendo que apenas uma vacinação massiva vai impedir as infecções pelo patógeno SARS-CoV-2, origem da doença.

Poucas pessoas usam máscaras e menos ainda são vacinadas, aumentando o temor de uma catástrofe.

Os profissionais de saúde dizem que estão lutando não apenas contra a pandemia, mas também contra o ceticismo generalizado sobre a falta de informação e a desconfiança do público.

‘Não gosto da vacina nem da máscara’, disse Nehad Sabbah, de 36 anos, refletindo uma opinião comum no país. Desde que uma campanha de imunização contra o novo coronavírus começou em março, apenas 1% dos 40 milhões de iraquianos receberam o antídoto.

Com décadas de conflitos armados e milhões de pessoas em extrema pobreza, o Iraque acumula 1,4 milhão de infecções por Covid-19 e mais de 17 mil mortes.

A maioria dos cidadãos não dá ouvidos aos apelos para se manter o distanciamento físico e o uso de proteção, o que resultou em cerca de 8.000 casos diários de contágio. O porta-voz do Ministério da Saúde, Saif Al Badr, culpou a uma campanha de desinformação, a relutância dos cidadãos em se vacinar.

Entre os rumores espalhados, explicou ele, havia uma alegação infundada de que eles causam infertilidade.

As autoridades iraquianas encomendaram 18 milhões de doses dos fabricados pela AstraZeneca e Pfizer / BioNTech, mas até agora não atingiram seu objetivo devido à ignorância ou falta de preocupação dos cidadãos, observou Al Badr.

msm / arc / hb/gdc

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.