3 de December de 2021

NOTICIAS

Panamá inicia vacinação contra Covid-19 em adolescentes

Panamá inicia vacinação contra Covid-19 em adolescentes

Panamá, 14 de jul (Prensa Latina) O Ministério da Saúde (Minsa) do Panamá autorizou hoje o início da vacinação contra Covid-19 em adolescentes maiores de 12 anos nesta capital e nas províncias centrais de Herrera e Los Santos.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Segundo a entidade, essas são as regiões do país com os maiores índices de infecções, sendo que o uso da vacina Pfizer-BioNTech nesse grupo é possível após os estudos realizados para garantir as doses necessárias a essa população, durante sua aplicação. Será feito sob o critério de ‘Autorização de Uso Emergencial’ com agendamento prévio.

Ele especificou que os primeiros a serem vacinados são pacientes crônicos e pessoas com deficiência, certificados pela Secretaria Nacional de Deficiência e registrados na Autoridade de Inovação do Governo.

Em nota oficial, a diretora nacional de Farmácia e Medicamentos, Elvia Lau, garantiu que a autorização do medicamento está respaldada pelos dados de segurança e eficácia registrados em adultos e adolescentes entre 12 e 16 anos.

Ela acrescentou que o esquema de imunização é o mesmo que existe atualmente no país: duas doses com intervalo de três a quatro semanas entre uma e outra.

Na véspera, o Panamá recebeu um novo lote de 121.680 doses do injetável da farmacêutica Pfizer-BioNTech, do milhão previsto para este mês, conforme anunciado recentemente pelo presidente Laurentino Cortizo, em meio a uma terceira onda de infecções que afeta particularmente os mais jovens.

De acordo com o Programa Ampliado de Imunização do Minsa, desde o último 20 de janeiro, o país aplicou 1.763.511 doses da AstraZeneca e da citada empresa, o que coloca o Panamá entre os mais avançados da região nesse processo.

Nas últimas 24 horas, a nação do Istmo notificou 857 novos casos positivos para um total acumulado de 417.087 desde o início da pandemia em março do ano passado, para a qual ocorreram 6.654 mortes e 720 doentes hospitalizados, dos quais 107 em terapia intensiva.

ga / npg / fav

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.