28 de January de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Manobras militares multinacionais começam na Ucrânia

Manobras militares multinacionais começam na Ucrânia

Kiev, 12 jul (Prensa Latina) As manobras de Cossack Mace 2021 começaram hoje e seguirão até 24 de julho no sul da Ucrânia, com a participação de unidades militares da Ucrânia, dos Estados Unidos, do Reino Unido, do Canadá e da Suécia.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Cerca de dois mil soldados e mais de 300 unidades de equipamento militar dos cinco país estão participando nos exercícios, disse uma mensagem das Forças Terrestres Ucranianas.

De acordo com o comando do exército de Kiev, um dos objetivos das manobras é melhorar a coesão entre o Reino Unido e as unidades ucranianas no planejamento e realização de missões de batalhão.

De 28 de Junho a 10 de Julho, os exercícios Sea Breeze 2021 também tiveram lugar no Mar Negro, envolvendo países da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN) e alguns dos seus parceiros na região.

Participaram cerca de 5.000 militares, 40 navios de guerra, barcos e embarcações auxiliares, 30 unidades de aviação, e mais de 100 tanques e veículos blindados.

Nos últimos dias, o presidente russo Vladimir Putin denunciou a expansão da OTAN para leste e observou que aproximar as suas infraestruturas das fronteiras da Rússia ‘é de importância prática’ para Moscou.

Avisou da ameaça à Rússia se a Ucrânia se tornar membro da Aliança Atlântica e os seus sistemas de defesa antimísseis forem implantados no seu território.

Putin comentou que o tempo de voo de um míssil desde as cidades ucranianas de Kharkov ou Dnepropetrovsk até à parte central da Rússia será entre sete e dez minutos.

‘Será isto uma linha vermelha para nós ou não?’ perguntou o chefe de Estado russo.

No dia 23 de junho, Moscou exigiu Washington e os seus aliados a abandonarem a prática de operações militares no Mar Negro, indicou uma mensagem publicada no Twitter pela embaixada russa nos EUA.

O texto sublinhava que tais exercícios ‘encorajam sentimentos militaristas em Kiev’ e observava que a escala e a natureza ‘claramente agressiva’ das manobras não correspondem às verdadeiras tarefas de segurança naquela região e podem aumentar o risco de incidentes indesejados.

A representação russa nos EUA apelou ao abandono das práticas, pois ‘todos os problemas emergentes nesta região podem ser resolvidos pelos Estados do Mar Negro sem a necessidade de assistência externa’, sublinhou.

mem/mml/vmc

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.