11 de August de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

A volta da Coleção Keith

A volta da Coleção Keith

San José, 10 jul (Prensa Latina) A Costa Rica recuperou apenas 2.286 peças arqueológicas de diferentes culturas indígenas das pouco mais de 16.000 removidas para os Estados Unidos pelo empresário daquele país Menor Keith, construtor da ferrovia no Caribe.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Segundo o livro Keith and Costa Rica, do escritor estadunidense Watt Stewart, o interesse do empresário pela arte indígena nasceu de um feliz acidente.

Entre as muitas plantações que possuía na região estava uma chamada Mercedes, localizada no vale do rio Santa Clara, um afluente do Reventazón, que descia do norte.

O autor relata que uma noite um pequeno furacão atingiu aquele lugar, arrancando uma árvore gigantesca que cresceu perto do acampamento.

Quando na manhã seguinte os trabalhadores estavam empenhados em observar os danos, um deles pegou o brilho de ouro de um objeto, incrustado na massa sólida de terra que se encontrava entre as raízes da planta caída.

‘Assim, com a descoberta dos tesouros de Mercedes, Keith entrou em sua fase arqueológica e antropológica’, diz o escritor, para formar a coleção que leva seu nome, de mais de 16.000 peças, sem dúvida a maior da arte primitiva tica e trazida para os Estados Unidos entre o final do século XIX e o início do século XX.

De acordo com o Departamento de Proteção do Patrimônio da Costa Rica, a Coleção Keith esteve junta até 1914, quando parte dela foi emprestada ao Museu Americano de História Natural de Nova Iorque e outra parte foi vendida ou doada ao Museu Americano do Índio, à Fundação Heye e ao Museu Nacional de História Natural do Instituto Smithsoniano.

Após a morte do magnata em 1929, sua esposa entregou alguns objetos ao Museu do Brooklyn, enquanto outros foram comprados em 1934.

Recentemente, o Museu Nacional da Costa Rica mostrou 1.305 peças pré-colombianas repatriadas no segundo e último lote do Museu do Brooklyn dos EUA, com o qual adiciona 2.286 da Coleção Keith sob sua tutela.

A primeira entrega remonta a 2011, quando 981 itens foram devolvidos. Entre os objetos de cerâmica e pedra estão uma lápide de tamanho médio, vasos, vasos e utensílios domésticos, entalhes e esculturas do sul, metates de Guanacaste e sukias do Atlântico.

O arqueólogo Leidy Bonilla, do Departamento de Proteção do Patrimônio Cultural, disse que estas peças ajudarão a preencher certas lacunas, especialmente na tipologia cerâmica, bem como em instrumentos e figuras literárias.

(Extraído de Orbe)

/vmc

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.