5 de December de 2021

NOTICIAS

Sinais salariais adversos para os trabalhadores uruguaios

Sinais salariais adversos para os trabalhadores uruguaios

Montevidéu, 7 jul (Prensa Latina) Sinais adversos para os trabalhadores uruguaios foram emitidos pelo governo e pela Câmara de Comércio na convocação de hoje do Conselho Superior Tripartite para o processo anual de negociação salarial.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Diante de uma central sindical Pit-Cnt que mostrou preocupação, o Ministro do Trabalho e Previdência Social, Pablo Mieres, declarou dias atrás que ainda era necessário ajustar as diretrizes que ele apresentará à reunião.

Ele apenas indicou que a situação foi avaliada em cada um dos setores de trabalho, e disse que alguns deveriam ir para outra ‘ponte’, o que se traduz em um novo congelamento salarial acordado.

Ele reiterou que a situação econômica do país ainda está rodeada de incertezas e depende da evolução da pandemia de Covid-19 e, embora o Uruguai tenha entrado numa fase de afrouxamento da taxa de contaminação, não há certeza de que isto seja definitivo, para coexistir com a existência de variantes do vírus da SARS CoV-2, que causa a doença.

De acordo com o projeto oficial, talvez quando o turismo começar a funcionar plenamente, haverá uma recuperação significativa do emprego.

Questionado sobre suas perspectivas, o presidente da Pit-Cnt, Fernando Pereira advertiu que quaisquer diretrizes de negociação devem conter uma recuperação salarial até 1ú de janeiro de 2022, conforme assegurado pelo governo em 2020 e reafirmado em 2021.

Mas ao mesmo tempo, as Câmaras de Negócios levantaram a possibilidade e a necessidade de permitir a contratação de novos trabalhadores com salários abaixo do acordado nos Conselhos de Salários, aproveitando o fato de que milhares de uruguaios caíram no desemprego.

Ao tomar conhecimento disso, o secretário geral do Pit-Cnt, Marcelo Abdala, chamou-o de ilegal, marcando assim a polêmica do Conselho Tripartite convocado para o dia.

ga/hr/vmc

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.