7 de December de 2021

NOTICIAS

Comemoração na Espanha da Independência da Venezuela

Comemoração na Espanha da Independência da Venezuela

Madri, 5 Jul (Prensa Latina) Uma cálida manhã madrilena, aos pés da estátua equestre de Simón Bolívar, permitiu hoje que diplomatas, políticos e amigos celebrassem o 210ú aniversário da assinatura do Ato de Independência da Venezuela.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Um momento especial para lembrar que mais de 200 anos depois, afirmações semelhantes da época têm validade atual, com a hostilidade e tentativas de asfixia a que está submetida a nação bolivariana.

Palavras do chefe da missão diplomática venezuelana, Mauricio Rodríguez, no encerramento do encontro dedicado a colocar uma coroa de flores diante da escultura do Libertador na capital espanhola.

Em particular, referiu-se à situação que enfrenta o país sul-americano, que, fiel ao legado de Bolívar e dos lutadores pela independência há mais de dois séculos, é objeto de permanente hostilidade.

Argumentou que, com postulados semelhantes aos da Doutrina Monroe, se tenta sufocar não só a Venezuela, mas também os mecanismos de integração da América Latina e do Caribe, com a aplicação de leis extraterritoriais.

Hoje meu país e o povo venezuelano são vítimas de ataques contra a economia, finanças, comércio e saúde, disse Rodríguez, que lembrou a posição de um especialista da ONU.

Em fevereiro passado, a relatora especial das Nações Unidas para medidas coercitivas unilaterais e direitos humanos, Alena Douhan, pediu aos Estados Unidos, a União Européia e outros Estados a retirarem as sanções contra a Venezuela.

Rodríguez agradeceu especialmente o gesto da representação bielorrussa, que também entregou um buquê de flores no monumento a Bolívar, bem como a presença de embaixadores de Cuba, México, Nicarágua, Bolívia, China, Irã e Síria.

Além disso, diplomatas da Palestina, Rússia, República Popular Democrática da Coréia e Turquia; o Partido Comunista da Espanha e grupos de solidariedade e amizade com a Venezuela, entre outros.

mem/ft/jcfl

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.