29 de November de 2021

NOTICIAS

Exército sírio responde à escalada terrorista em Idlib

Exército sírio responde à escalada terrorista em Idlib

Damasco, 4 Jul (Prensa Latina) As Forças Armadas da Síria responderam com bombardeios a grupos radicais que intensificaram seus ataques nas últimas horas contra postos militares e comunidades civis na província de Idlib, no norte, como se sabe hoje.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

A chamada Câmara de Operações Fateh Mubeen, comandada pelo grupo terrorista Junta para Liberación del Levante – anteriormente Frente al-Nousra-, disparou dezenas de foguetes e projéteis de artilharia de suas posições no planalto Jabal Al-Zawieh, no sul de Idlib, informou oficial de operações do diário al-Watan.

Ele especificou que as posições militares atacadas estão localizadas nas cidades de Kafernubel, Khan Sabbil e Darah Kabira; e os regulares responderam com intenso fogo de foguetes e artilharia e conseguiram silenciar as fontes de fogo inimigo.

Segundo o comando, há 14 posições e pontos de observação do exército turco em Jabal Al-Zawieh e oferecem cobertura aos radicais da região.

Ele também especificou que o fogo do exército deixou dezenas de vítimas entre os terroristas nas cidades de Fatirah, Balshoun, Belion, Kansafrah, Barah e nos arredores da cidade de Ariha, onde também destruíram artilharia e bases blindadas.

Os feridos dos extremistas foram transferidos para o território turco para tratamento, enquanto uma mobilização das forças turcas foi relatada na área, disse ele.

Além disso, caças sírios e russos bombardearam e destruíram um campo de treinamento de extremistas na cidade de Sheikh Yussef, no oeste de Idlib, onde um número desconhecido de radicais foi eliminado.

Em Idlib, 320 quilômetros ao norte de Damasco, organizações extremistas são implantadas, como a Junta para a Libertação do Levante, antiga Frente Al Nousra; e o Partido Islâmico do Turquestão, formado por mercenários do grupo étnico uigures da China.

O exército sírio conseguiu em suas operações durante 2020 liberar 56 por cento daquela província e os terroristas atualmente controlam menos da metade, onde mantêm centenas de milhares de civis como escudos humanos e constantemente violam o cessar-fogo.

ga/fm/jcfl

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.