3 de December de 2021

NOTICIAS

Rússia e China estendem tratado de amizade e cooperação

Rússia e China estendem tratado de amizade e cooperação

Moscou, 28 jun (Prensa Latina) O presidente russo Vladimir Putin e o seu homólogo chinês Xi Jinping concordaram hoje, numa troca online, em alargar o Tratado de Boa Vizinhança, Amizade e Cooperação, assinado pelos dois países há 20 anos.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Nas conversações, o presidente russo salientou a importância do acordo no desenvolvimento das relações bilaterais e considerou-o um reflexo das profundas tradições históricas de boa vizinhança entre os povos dos dois países, noticiou a televisão local.

Observou que o documento consagra acordos fundamentais relacionados com a proteção da unidade do Estado e da integridade territorial de ambos os Estados, a utilização de armas nucleares, o respeito pelo direito soberano de escolher o seu governo, a sua forma de desenvolvimento e de não interferir nos assuntos internos.

A Rússia e a China levaram as relações a um nível sem precedentes, tornando-as um modelo de cooperação interestatal no século XXI, disse Putin.

Segundo o chefe de Estado russo, Moscou e Beijing criaram um mecanismo de coordenação bilateral a vários níveis que não tem análogos na prática mundial.

‘Tudo isto torna possível resolver eficazmente os problemas que surgem no decurso da interação entre as duas partes e planear o trabalho conjunto para o futuro’, sublinhou.

A coordenação russo-chinesa desempenha um papel estabilizador nos assuntos mundiais num contexto de turbulência geopolítica crescente e um aumento do potencial de conflito, expandiu-se Putin.

Salientou que nos últimos 20 anos, os dois países conseguiram aumentar significativamente a interação da política externa, uma das componentes-chave da parceria estratégica.

‘Num contexto de turbulência geopolítica crescente, a ruptura de acordos no domínio do controle de armas, um aumento do potencial de conflito em diferentes partes do mundo, a coordenação russo-chinesa desempenha um papel estabilizador nos assuntos mundiais’, sublinhou.

O presidente chinês disse que o mundo está a entrar numa era de instabilidade e mudanças radicais e que, no contexto de como o desenvolvimento humano enfrenta muitas crises, uma cooperação estreita entre as duas nações dá energia positiva à comunidade mundial.

Os laços Rússia-China estão ‘criando um padrão para um novo modelo de relações internacionais’, disse Xi Jinping.

‘O Tratado de Boa Vizinhança, Amizade e Cooperação estabeleceu o conceito de amizade transmitido de geração em geração que vai ao encontro dos interesses fundamentais dos dois países’, garantiu ele.

mem/mml/vmc

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.