16 de January de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Comunidades inteiras no Madagascar à beira da fome

Comunidades inteiras no Madagascar à beira da fome

Antananarivo, 26 jun (Prensa Latina) O diretor do Programa Mundial de Alimentação (PMA), David Beasley, convidou o mundo a reagir à crise invisível no sul do Madagascar hoje, onde comunidades inteiras estão à beira da fome.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Tendo testemunhado a situação na nação africana, Beasley disse de um centro de nutrição da região que as pessoas estão morrendo de fome severa, que não se deve à guerra, mas à mudança climática, em uma área que nada contribuiu para a crise climática, mas que agora está pagando o preço mais alto.

O sul do Madagascar está sofrendo a pior seca das últimas quatro décadas, com mais de 1,14 milhão de pessoas em situação de insegurança alimentar, dos quais estima-se que 14.000 já estão em condições catastróficas, situação que dobrará para 28.000 em outubro deste ano.

A gravidade deste cenário está forçando milhares de pessoas a abandonar suas casas em busca de alimentos, enquanto outras estão recorrendo a medidas extremas para sobreviver, como a busca de alimentos silvestres, disse o executivo do PMA.

Os dados do PMA mostram que a desnutrição aguda global entre crianças menores de cinco anos em Madagascar quase dobrou nos últimos quatro meses para 16,5%.

Entre os mais afetados está o distrito de Ambovombe, onde a taxa é de 27%, deixando muitas crianças diante de uma situação de risco de vida.

‘Não podemos virar as costas para as pessoas que vivem aqui enquanto a seca coloca em risco milhares de vidas inocentes’. Agora é o momento de agir e continuar a apoiar o governo malgaxe para conter os efeitos da mudança climática e salvar vidas’, disse Beasley.

O PMA vem trabalhando com outros parceiros em Madagascar desde o final do ano passado para enfrentar a fome extrema, mas à medida que a crise se agrava, esses esforços devem ser intensificados, disse ele.

Para fornecer alimentos de emergência na próxima estação enxuta e evitar que uma tragédia evitável se desdobre, o PMA precisa de $78,6 milhões.

msm/crc/vmc/gdc

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.