1 de December de 2021

NOTICIAS

Julgamentos contra ex-autoridades de fato começam na Bolívia

Julgamentos contra ex-autoridades de fato começam na Bolívia

La Paz, 25 jun (Prensa Latina) A audiência preventiva contra os ex-ministros de facto Arturo Murillo e Luis Fernando López está sendo realizada hoje na Bolívia, ambos processados pelo escândalo conhecido como gás lacrimogêneo.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Apesar de ambas as ex-autoridades terem fugido da Bolívia em 5 de novembro de 2020, o gerente fez as notificações, e se elas não comparecerem à audiência, o Órgão Judicial estabelecerá o que corresponde por lei, informou o jornal estadual Ahora el Pueblo.

Murillo está atualmente preso em uma prisão federal em Miami sob acusações de conspiração e lavagem de dinheiro, e o ex-ministro da Defesa López é refugiado no Brasil, de acordo com fontes oficiais.

Ambos estão sendo investigados por crimes de conduta antieconômica e contratos prejudiciais ao Estado, já que perpetraram um roubo de um milhão de dólares em meio à pandemia de Covid na Bolívia durante o mandato de facto de Jeanine Áñez.

‘Há indicações (de culpa) contra eles, tais como a queixa, notas internas sobre a compra irregular desses elementos, verificação cruzada de informações e declarações de testemunhas, entre outros’, disse a promotora Magaly Bustamante sobre o processo.

Com base nos elementos de condenação reunidos na investigação preliminar, o Ministério Público solicitará a detenção preventiva de ambos por um período de seis meses.

mem/dla/bm

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.