28 de November de 2021

NOTICIAS

Alerta sobre a crise de saúde no Líbano

Alerta sobre a crise de saúde no Líbano

Beirute, 23 Jun (Prensa Latina) O presidente da Comissão Parlamentar de Saúde do Líbano, Assem Araji, alertou hoje sobre o agravamento da crise no setor saúde devido à escassez de remédios básicos e insumos nos hospitais.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

‘Estamos à beira de um desastre médico total’, disse ele.

Araji considerou que a situação vai continuar a piorar, devido à falta de materiais e ao êxodo de médicos, enfermeiras e auxiliares.

‘A segurança sanitária está em perigo, por isso é urgente a instalação de um governo capaz de reverter as previsões’, afirmou.

Uma das soluções tratadas pelo Parlamento, disse ele, a introdução de cartões de financiamento, continua não aprovada por falta de recursos.

O governo interino está analisando a implementação de um sistema de subsídios para pessoas e eliminando subsídios para produtos na ausência de divisas para proteger o mercado.

Segundo o Banco Central (Banque du Liban), os cofres do estado somam cerca de 16 bilhões de dólares intocáveis, sob pena de usar a poupança privada.

Os subsídios para combustível, trigo e medicamentos no Líbano saem da ordem de seis bilhões de dólares, segundo cálculos de especialistas, e a adoção de um sistema de proteção às pessoas será reduzido para cerca de 1,2 bilhão.

mem/arc/jcfl

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.