5 de December de 2021

NOTICIAS

China convoca a UE a aderir ao multilateralismo e à cooperação

China convoca a UE a aderir ao multilateralismo e à cooperação

Beijing, 22 de junho (Prensa Latina) A China convidou a União Europeia (UE) a agir com autonomia, aderir ao verdadeiro multilateralismo e a apostar na cooperação em vez de divisões, informou hoje a imprensa local.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

De acordo com vários relatórios, esta abordagem foi feita pelo Ministro das Relações Exteriores Wang Yi em uma conversa telefônica há algumas horas com seu homólogo italiano, Luigi Di Maio.

O diplomata defendeu o desenvolvimento de laços estáveis entre Beijing e Bruxelas e pediu a Roma que desempenhasse um papel construtivo nessa direção.

‘Diante de desafios globais sem precedentes, todos os países deveriam insistir na cooperação em vez de incitar divisões, respeitar umas às outras em vez de lançar ataques políticos, e assumir a responsabilidade em vez de fugir da responsabilidade ou buscar a culpa’, enfatizou Wang.

Na frente bilateral, o Ministro das Relações Exteriores reafirmou a vontade da China de trabalhar mais com a Itália, consolidar a confiança mútua e fortalecer a comunicação estratégica.

Ele também mencionou a necessidade de aumentar as trocas de alto nível, promover projetos no contexto da iniciativa Rota da Seda e Cinturão e expandir a cooperação para novos setores.

Por sua vez, o Ministro das Relações Exteriores italiano descreveu os laços bilaterais como fortes e sustentados, e concordou com a importância de levar a colaboração a níveis mais altos.

De acordo com o que foi relatado, ele também se propôs a comunicar mais a fim de superar juntos os desafios do mundo atual.

ga/ymr/vmc

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.