19 de August de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

China e países europeus estreitam laços com feiras

China e países europeus estreitam laços com feiras

Pequim 8 Jun (Prensa Latina) A China e as nações da Europa Central e Oriental abriram hoje em Ningbo sua segunda exposição conjunta, com o objetivo de expandir as oportunidades de negócios e acelerar o comércio de bens de consumo e serviços.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

O evento vai até sexta-feira que vem, tem a Sérvia como convidada de honra e reúne duas mil empresas nacionais e daquele espaço europeu que apresentam as suas ofertas líderes em setores como a aviação, alimentar, tecnologia, eletrodomésticos e produtos de higiene pessoal, entre outros.

De acordo com as projeções, o evento deve atrair mais de 6 mil compradores para fechar negócios com representantes estrangeiros.

O presidente chinês, Xi Jinping, saudou a abertura da exposição, definiu-a como uma plataforma importante para o comércio de bens de consumo e previu um bom impacto na recuperação econômica global.

Enquanto isso, o vice-ministro do Comércio, Wang Bingnan, considerou que atenderá as demandas do público nacional, conectará o mercado local com o mundial e facilitará o escoamento de mercadorias de alto padrão para o gigante asiático.

Durante a abertura do encontro, outras autoridades chinesas reiteraram a disposição do país em importar mais mercadorias da Europa Central e Oriental nos próximos cinco anos.

Esse plano tem a ver com a estratégia de consolidação do consumo, definida entre os novos pilares do crescimento econômico do gigante asiático.

A China também busca com a feira dar impulso à sua fórmula de ‘dupla circulação’, que dá maior peso aos negócios, à produção e aos gastos domésticos, sem abandonar a cooperação internacional.

De acordo com as estatísticas oficiais, durante os primeiros quatro meses de 2021, o comércio entre as partes ultrapassou os 30 bilhões de dólares, ou seja, um aumento de 50,2% ano a ano.

Polônia, República Tcheca e Hungria foram os principais parceiros da China nessa área.

Além disso, entre 2012 e 2020, as bolsas comerciais cresceram em média oito pontos a cada ano.

jha/ymr/jcfl

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.