27 de May de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Repressão de Israel no território palestino ocupado causa mortes

Repressão de Israel no território palestino ocupado causa mortes

Ramallah, 19 mai(Prensa Latina) A repressão realizada na cidade de Ramallah, na Cisjordânia, pelas forças de ocupação israelenses contra manifestantes locais, causou a morte de quatro civis e feriu outros 64, informaram organizações médicas.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Segundo as fontes deste país árabe, citadas pelo portal digital palestinalibre.org, tanto na citada demarcação, como em Jerusalém e no resto do interior do território, o Exército de Tel Aviv utilizou contra os não conformes balas ao vivo e gás lacrimogêneo.

Eles indicaram que desde o início dos bombardeios perpetrados por aviões de guerra israelenses do último dia 10 até hoje, 212 palestinos morreram, dos quais 59 são crianças, e outros 1.450 ficaram feridos.

Os últimos atos de violência da potência ocupante visavam dispersar os manifestantes, que exigiam o fim da agressão militar israelense contra os territórios palestinos.

Conforme divulgado por palestinalibre.org, os protestos, que também ocorreram em territórios israelenses, também rejeitaram a expansão colonialista e a violenta incursão de tropas do estado hebraico na mesquita de Al Aqsa.

Como parte da agressão israelense, na madrugada desta terça-feira, meios aéreos daquele país lançaram foguetes e artefatos explosivos contra bairros civis da Faixa de Gaza.

Segundo fontes da mídia local, a aviação também atacou edifícios da Universidade Islâmica no centro da área, uma biblioteca e a sede da Agência das Nações Unidas para os Refugiados.

Por outro lado, as tensões aumentaram na Cisjordânia, onde a população realizou uma greve geral, decretada pela Autoridade Nacional Palestina, em apoio à população sitiada de Gaza, informaram várias fontes.

Essa greve, que se completa com o fechamento de escolas e ministérios, também foi convocada por lideranças da população palestina em Israel e na ocupada Cisjordânia do Rio Jordão (Cisjordânia).

Os ataques indiscriminados de Israel contra o povo palestino foram condenados por numerosos governos e organizações em todo o mundo, que exigem que Tel Aviv reconheça o direito do povo palestino de ser livre, com um Estado sem interferência externa.

msm / obf / glmv

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.