28 de November de 2021

NOTICIAS

Milhares de professores suspensos por se oporem ao golpe no Mianmar

Milhares de professores suspensos por se oporem ao golpe no Mianmar

Naypidó, 10 mai (Prensa Latina) Mais de 11.000 acadêmicos e outros funcionários universitários foram suspensos após uma greve contra o governo militar de Mianmar, disse hoje um grupo de professores.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Um funcionário da Federação de Professores de Mianmar, que não queria ser identificado por medo de represálias, confirmou o número, que constitui quase metade dos quase 26.000 professores das universidades e outras instituições de ensino terciário do país.

As suspensões surgem quando o reinício das universidades após um ano de fechamento devido à pandemia do coronavírus desencadeia um novo confronto entre o exército de funcionários e estudantes, que estão pedindo boicotes por causa do golpe de Estado de 1 de fevereiro.

Em muitos campi, as autoridades estão pedindo aos professores que declarem sua oposição às greves se não quiserem perder seus empregos.

Estudantes e professores estiveram na vanguarda da oposição durante quase meio século de governo militar e têm liderado os protestos desde que os militares interromperam uma década de reformas democráticas em fevereiro passado.

A Nova Luz Global do Mianmar controlada pela junta disse que professores e alunos devem cooperar para que o sistema educacional tenha um novo começo.

Muitos estudantes estão entre pelo menos 780 pessoas mortas pelas forças de segurança e 3.800 detidas, de acordo com o grupo ativista Associação de Assistência aos Prisioneiros Políticos.

Pelo menos 47 professores também estão entre os presos, enquanto mandados de prisão estão fora para outros 150 educadores acusados de incitamento, acrescenta a fonte.

mem/lp/vmc

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.