1 de July de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Grupo de Puebla rejeita violência da força pública na Colômbia

Grupo de Puebla rejeita violência da força pública na Colômbia

Buenos Aires 2 Mai (Prensa Latina) O Grupo Puebla expressou seu repúdio às ações violentas perpetradas por integrantes da força pública colombiana contra os manifestantes que se opõem a uma reforma tributária.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Em meio a fortes protestos contra o Governo por uma reforma que consideram regressiva e inadequada, o Grupo manifestou em nota sua preocupação com a situação de violência naquele país irmão e ‘os excessos injustificáveis no uso da força que minam as garantias e as liberdades da democracia e do Estado de direito ‘.

O protesto social é o direito de todos os cidadãos de expressar suas reivindicações, dissidências e apoio, como fazem hoje os colombianos que se opõem a uma reforma tributária, diz a aliança, que inclui personalidades de 17 países.

Da mesma forma, os integrantes do Grupo fizeram um apelo à calma e ao diálogo e ao mesmo tempo repudiaram o que consideravam ‘o apelo temerário e irresponsável de dirigentes de direita aos membros da força pública para que usem suas armas indiscriminadamente contra a população civil’ , protestando nas ruas.

‘Recordamos a importância do diálogo social como o meio mais eficaz, representativo e democrático para enfrentar as diferenças e superar esta conjuntura crítica que deve ser resolvida no âmbito da democracia e das garantias constitucionais’, conclui o comunicado, assinado por vários ex-presidentes e parlamentares na região.

mem/may/jcfl

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.