6 de July de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Municípios uruguaios distribuem auxílio-desemprego

Municípios uruguaios distribuem auxílio-desemprego

Montevidéu, 29 de abr (Prensa Latina) O Congresso dos 19 municípios uruguaios resolveu hoje destinar equitativamente salários de solidariedade a um plano governamental de combate ao desemprego que disparou no país com a pandemia de Covid-19.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

A proposta foi apresentada pelo Secretário da Presidência, Álvaro Delgado, ao Conselho Representativo do órgão permanente dos dirigentes administrativos regionais, convocado há dois dias para o Gabinete Executivo nacional.

Como explicou o cacique da comuna de Salto, pertencente à Frente Ampla, Andrés Lima, ao final da reunião se trata de oferecer 15 mil vagas por sorteio com uma remuneração de 300 dólares por 12 dias de trabalho por apenas seis meses.

O Poder Executivo prevê que a aplicação do programa fique a cargo dos Municípios, com a convocatória aos interessados e requerentes que se inscrevam e a atribuição das tarefas a desempenhar, nas áreas de limpeza e guarda de instalações.

Conforme reconhecido pelo Ministério do Trabalho, no ano passado foram perdidos 60.000 empregos e a taxa de desemprego subiu para 11%, enquanto a Universidade da República afirmava que mais 100.000 uruguaios caíram na pobreza.

O senador da Frente Amplio, economista Daniel Olesker, destacou que o investimento do governo para sustentar a população foi da ordem de 1,5% do Produto Interno Bruto, o menor da América Latina, que foi de US $ 452 milhões em 2020. reduzido para 430 milhões em 2021.

Por sua vez, Mario Bergara, que também é legislador da Frente Ampla, argumentou que os estados que não gastam recursos em meio a uma crise e preferem aplicar ajustes ‘depois é muito mais difícil e mais caro reconstruir a realidade’ e na sua opinião, o desemprego, a informalidade, o encerramento de pequenas e médias empresas (PME) e a pobreza são evitáveis.

Desde o início da crise da saúde, a força política de oposição e a central sindical Pit Cnt defendiam um salário mínimo de sustentação para cerca de 300 mil uruguaios que perderam renda e passaram por dificuldades.

msm / hr / fav

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.