8 de December de 2021

NOTICIAS

Da Argentina um abraço solidário a Cuba contra o bloqueio (+ Fotos)

Da Argentina um abraço solidário a Cuba contra o bloqueio (+ Fotos)

Buenos Aires, 25 abr (Prensa Latina) Integrantes do Movimento Argentino de Solidariedade a Cuba (MasCuba) e cubanos aqui residentes somarão hoje suas vozes com uma ação virtual à caravana mundial contra o bloqueio imposto a esse país caribenho.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Impedidos de sair às ruas pela segunda onda pandêmica que se faz sentir fortemente neste país do sul, argentinos e cubanos exigirão mais uma vez o fim do cerco unilateral imposto pelos Estados Unidos há mais de 60 anos à ilha por meio de um audiovisual que capta momentos de ações solidárias em várias partes deste território.

No vídeo, que estará disponível em várias redes sociais, é visto com grandes cartazes pedindo o fim desta injusta medida aos moradores da Mascuba e cubanos de várias partes e personalidades como o ganhador do Prêmio Nobel da Paz Adolfo Pérez Esquivel e o líder social Milagro Sala.

Ao grito coletivo contra o bloqueio também se juntaram moradores de províncias como Córdoba, Santiago del Estero, La Rioja, Santa Fé, Cutral Có (Neuquén) e Salta, entre outras.

Em declarações à Prensa Latina, o jornalista Alberto Más, secretário do Clube Argentino dos Jornalistas Amigos de Cuba (Capac) e membro ativo da MasCuba, disse que nestes tempos de pandemia se unem uma vez mais a uma reivindicação mundial com esta campanha intitulada ‘Sua solidariedade quebra o bloqueio’.

A iniciativa, que começou há poucas semanas, consiste na coleta de seringas e agulhas para doá-las a Cuba.


No total, graças ao apoio espontâneo de várias organizações e pessoas, até agora foram recolhidos 120.000 kits para enviá-los a Havana no primeiro voo disponível para a ilha pela companhia aérea cubana Aviation.

Como um movimento de solidariedade, nos unimos hoje com um vídeo nas redes, dadas as condições de isolamento impostas pela pandemia, disse Más após destacar o exemplo de humanidade de Cuba com o mundo.

Significou também que, em um momento em que uma minoria de países acumula 75% das vacinas, a Cuba socialista desenvolve cinco vacinas candidatas e já afirmou que as colocará à disposição do continente.

Essa é a dignidade dessa ilha caribenha para a defesa da humanidade. É por isso que a solidariedade ativa quebra o bloqueio, disse o secretário do Capac.

msm/may/kl

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.