4 de July de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

China critica a Austrália por cancelar o projeto Rota da Seda

China critica a Austrália por cancelar o projeto Rota da Seda

Beijing, 22 abr (Prensa Latina) A China criticou hoje a Austrália por cancelar um acordo com o estado de Victoria para cooperar no contexto da iniciativa 'Belt and Road', depois de advertir sobre as consequências nas relações bilaterais.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Chamou o movimento de ‘irracional e provocador’, mas também evidência de que Canberra não é ‘sincera’ em relação à melhoria dos laços.

Advertiu que a decisão só trará mais danos aos laços entre as duas potências e ao próprio governo australiano.

Na quarta-feira, a Ministra das Relações Exteriores australiana Marise Payne anunciou o cancelamento do acordo, dizendo que ele era inconsistente com a política externa da Austrália e também afetava as relações internacionais.

A Austrália tomou a ação sob uma lei de veto da Commonwealth, que usou pela primeira vez.

A China lançou a iniciativa da Rota da Seda em 2013 inspirada em suas antigas rotas comerciais e com o objetivo de se conectar com muitas nações através de uma grande plataforma de intercâmbios, infraestrutura moderna e políticas coordenadas que levem ao crescimento equilibrado do planeta.

Os observadores e a imprensa local preveem uma maior deterioração dos laços Beijing-Canberra após o cancelamento do memorando com Victoria.

Desde 2018, as relações bilaterais vêm passando por tempos cada vez mais tensos, após o veto do gigante tecnológico Huawei de participar da implantação da rede 5G.

Mais recentemente, o atrito aumentou com a troca de acusações, um chamado para uma investigação sobre a Covid-19 da China, restrições comerciais e um alerta de viagem para cidadãos chineses com planos de visitar ou estudar na Austrália sobre preocupações de segurança e discriminação.

A isto se acrescentou a aplicação de medidas anti-dumping sobre os vinhos australianos por cinco anos e também um aumento das tarifas sobre a cevada, pois foram exportados para cá a preços abaixo de seus custos reais no mercado local.

Várias vozes concordam que os Estados Unidos estão instigando o confronto, pois procuram acrescentar o território oceânico à sua incessante hostilidade para com o gigante asiático.

msm/ymr/bm

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.