29 de November de 2021

NOTICIAS

Johnson comemora retirada dos times ingleses da Superliga de futebol

Johnson comemora retirada dos times ingleses da Superliga de futebol

Londres, 21 abr (Prensa Latina) O Primeiro-Ministro do Reino Unido, Boris Johnson, saudou hoje a decisão dos seis principais times de futebol inglês de se retirarem do projeto de criação de uma nova Superliga Europeia.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Saúdo o anúncio de ontem à noite. É a decisão certa para torcedores de futebol, clubes e comunidades em todo o país. Devemos continuar a proteger nosso amado esporte nacional, disse Johnson no Twitter.

Chelsea, Manchester City, Arsenal, Liverpool, Tottenham e Manchester United se retiraram ontem à noite da Superliga, uma competição à margem dos torneios organizados pela União das Associações Europeias de Futebol (UEFA).

O projeto, anunciado no domingo passado, envolveria os espanhóis Real Madrid, Barcelona e Atlético Madrid e a Juventus da Itália, Milan e Inter de Milão, além de outras oito equipes ainda a serem nomeadas.

A decisão das equipes inglesas, que foram as primeiras a jogar a toalha, seguiu protestos furiosos dos torcedores e ameaças do governo britânico de tomar medidas legais e legislativas para impedi-los de participar.

O ministro britânico da Cultura, Esporte, Mídia e Digital, Oliver Dowden, também saudou a decisão dos seis clubes locais na quarta-feira, chamando-a de vitória para os torcedores.

O país tem estado unido na condenação destas propostas. O governo apoiou firmemente as autoridades do futebol ao dizer que faríamos tudo o que pudéssemos para impedir esta proposta, disse Dowden à Sky News.

De acordo com relatórios aqui apresentados, a diretoria da Superliga liderada pelo presidente do Real Madrid, Florentino Pérez, anunciou que, após a retirada das equipes inglesas, tomará as medidas apropriadas para reajustar um projeto que parece condenado ao fracasso.

Dadas as circunstâncias atuais, reconsideraremos os passos mais apropriados para reajustar o projeto, tendo sempre em mente nosso objetivo de oferecer aos torcedores a melhor experiência possível e ao mesmo tempo incentivar os pagamentos de solidariedade para toda a comunidade do futebol, disse uma declaração citada pela Sky News.

mem/nm/bm

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.