6 de July de 2022
nombre generico prensa latina

notícia

nombre generico prensa latina
Bandera portugal
Edição Portuguesa

NOTICIAS

Rússia aumentará produção de vacina Sputnik V com empresas chinesas

Rússia aumentará produção de vacina Sputnik V com empresas chinesas

Moscou, 19 abr (Prensa Latina) O Fundo Russo de Investimento Direto (RDIF) anunciou hoje a produção cooperativa de mais de 100 milhões de doses por ano da vacina Sputnik V com a empresa chinesa Hualan Biological Bacterin Inc. (Hualan Biological Bacterin Inc.).
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

A produção do medicamento contra a Covid-19 será realizada nas instalações da empresa na China e será utilizada para imunizar mais de 50 milhões de pessoas, disse o Serviço de Relações Públicas da RDIF.

No final de março, a empresa farmacêutica chinesa Shenzhen Yuanxing Gene-tech também concordou em produzir 60 milhões de doses de Sputnik V para combater o coronavírus CoV-2 da SARS, que causa a doença, em conjunto com a RDIF, que financiou o desenvolvimento do medicamento.

O novo contrato estabelece o compromisso da RDIF e da Hualan Biological Bacterin com uma parceria de longo prazo em termos de produção.

Kirill Dmitriev, diretor executivo do Fundo, comentou que o acordo com um dos principais fabricantes de vacinas da China ajudará a aumentar significativamente a capacidade de fabricação da Sputnik V.

Disse que a China é um dos principais parceiros na produção da droga russa, pois provou ser segura e altamente eficaz, confirmou a revista médica britânica Lancet.

Até hoje, o Sputnik V foi registrado em 60 países com uma população total de três bilhões de pessoas.

jf/mml/bm

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO
Logo Horizontal Prensa LAtina

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.