8 de December de 2021

NOTICIAS

Ex-presidente do Uruguai lamenta contágio do Covid-19

Ex-presidente do Uruguai lamenta contágio do Covid-19

Montevidéu 19 Abr (Prensa Latina) O ex-presidente do Uruguai, José Mujica, lamentou hoje que as recomendações do Grupo Consultivo Científico (GACH) para o Covid-19 não tenham sido levadas em consideração e agora os números de infecções são 'muito dolorosos e irreparáveis'.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Só neste dia, 2.346 novos casos positivos foram relatados e 60 mortes para um total de 1.0908, enquanto 29.919 pessoas estavam convalescendo, e 517 delas em terapia intensiva.

Mujica reiterou seus critérios em favor de medidas fortemente restritivas na mobilidade noturna e criticou o conceito do primeiro presidente de ‘liberdade responsável’, o Estado cruza os braços e ‘as pessoas fazem o que querem’ em uma guerra com um inimigo invisível que impõe uma defesa coletiva.

Ele acredita que o não cumprimento das recomendações do GACH para limitar a mobilidade social e, por outro lado, o atraso na campanha de vacinação, ajudou a acentuar visivelmente o custo de vida que seu país paga em uma pandemia.

Ele também considerou um erro descartar o perigo de espalhar a doença pelas fronteiras com o Brasil sem investir para preveni-la e antecipar a abertura de free shops atendidos por compradores do país vizinho.

Em reflexões veiculadas pelo jornal La República, ele argumentou que a política no Uruguai deveria ter se aproximado muito mais da premissa científica, embora tenha destacado que isso tem um custo econômico e social impossível de ignorar.

Diante do que apresentou como um dilema, argumentou que a defesa da saúde requer inevitavelmente o fornecimento de mais recursos à população afetada por cortes em atividades potencialmente contagiosas.

mem/hr/jcfl

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.