3 de December de 2021

NOTICIAS

Porta-voz russa afirma que EUA não deveriam exigir previsibilidade

Porta-voz russa afirma que EUA não deveriam exigir previsibilidade

Moscou, 14 abr (Prensa Latina) Os Estados Unidos não devem exigir previsibilidade na política da Rússia ou de outros países, disse a porta-voz do Ministério das Relações Exteriores deste país, María Zajárova.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Em declarações à rádio Vesti FM, a diplomata disse que, nos últimos 10 anos, aquela nação norte-americana ‘se tornou o Estado mais imprevisível’.

A porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Rússia alertou que, neste momento, Washington vem construindo seu rumo em questões internacionais diametralmente opostas.

‘O que foi dito ontem durante um briefing na Casa Branca foi que eles querem que a Rússia se torne um Estado previsível com políticas previsíveis’, disse ele, ao mesmo tempo que enfatizou que ‘eles não deveriam exigir isso de nós ou de ninguém’.

A porta-voz da Casa Branca, Jen Psaki, disse ontem que os Estados Unidos buscam previsibilidade em vez de confiança em seu relacionamento com a Rússia.

Zajárova considerou que em áreas como o clima, o programa nuclear iraniano e nos acordos de estabilidade estratégica, a política americana tem sido ‘diametralmente oposta’ à maioria dos países.

‘Organizações internacionais como a Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura) lembram as repetidas entradas e saídas dos Estados Unidos dentro e fora de seus muros’, disse.

Ele comentou que a Rússia quer construir relações com o povo americano no princípio do benefício mútuo, mas não pode deixar de notar a retórica anti-russa e os passos de Washington até recentemente, ele quis dizer.

Nas palavras do vice-ministro das Relações Exteriores, Sergey Ryabkov, de que Washington é um adversário da Rússia, Zajárova esclareceu que as declarações e os passos dos Estados Unidos ‘não nos deram a oportunidade de descrever a situação de uma maneira diferente’.

Ontem, os presidentes da Rússia, Vladimir Putin, e dos Estados Unidos, Joe Biden, discutiram por telefone a possibilidade de um encontro pessoal, segundo a assessoria de imprensa do Kremlin.

A declaração da Presidência russa enfatizou que ambos os líderes expressaram sua vontade de continuar o diálogo ‘nas áreas mais importantes para garantir a segurança global’.

mem / mml / hb

minuto por minuto
NOTAS RELACIONADAS
ÚLTIMO MINUTO

© 2016-2021 Prensa Latina
Agência Latino-americana de Notícias

Rádio – Publicações – Vídeos – Notícias a cada minuto.
Todos os Rigts Reservados.

Rua E No 454, Vedado, Havana, Cuba.
Telefones: (+53) 7 838 3496, (+53) 7 838 3497, (+53) 7 838 3498, (+53) 7 838 3499
Prensa Latina © 2021.