Minuto a minuto

Berna, 24 fev (Prensa Latina) O Fundo Mundial para a Natureza (WWF por suas siglas em inglês) convocou a um blecaute internacional com o que pretende conscientizar sobre a mudança climática e a perda de biodiversidade, informa hoje o site da organização.


La Paz, 24 fev (Prensa Latina) Os Zares do Ballet Russo exporão sua arte pela primeira vez em Bolívia com três apresentações nos departamentos de La Paz e Cochabamba, informaram hoje meios locais.


Montevideo, 24 fev (Prensa Latina) Com dois confrontos arranca hoje a quarta rodada do Torneio Abertura uruguaio de futebol, que lidera Nacional com nove pontos e a dois de seus mais próximos concorrentes. Neste sábado abrirão a jornada Defensor Sporting ante Rampla Juniors e depois Peñarol receberá a Liverpool no Estádio Campeão do Século de Montevideo.


Paris, 24 fev (Prensa Latina) Mais de mil expositores da França e o mundo participam no Salão Internacional da Agricultura, que começa hoje nesta capital, focado em valorizar o trabalho coletivo como chave do setor.


Luanda, 24 fev (Prensa Latina) Angola chegará no final deste ano aos 30 milhões de habitantes, de acordo com projeções do Instituto Nacional de Estatísticas (INE) divulgadas hoje.


Tóquio, 24 fev (Prensa Latina) O Museu do Prado de Madri estreia hoje em Japão uma mostra de pintura a propósito da festividade pelo 150 aniversário do estabelecimento das relações diplomáticas entre o país japonês e a Espanha.


Pequim, 24 fev (Prensa Latina) China e Rússia revisarão nesta capital questões de interesse e o desenvolvimento de suas relações com América Latina e o Caribe na 11ª rodada de consultas sobre essa região, confirmou hoje a Chancelaria.


Caracas, 24 fev (Prensa Latina) As inscrições dos candidatos às eleições presidenciais de 22 de abril começam hoje na Venezuela podendo serem feitas via internet, de acordo com o cronograma publicado pelo Conselho Nacional Eleitoral (CNE).


Teerã, 24 fev (Prensa Latina) O Irã convidou à Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) a manter suas verificações sobre o cumprimento pelo país persa do acordo nuclear com o G5+1, informou-se hoje aqui.


Beirute, 24 fev (Prensa Latina) O presidente libanês, Michel Aoun, obteve apoio da ONU para confirmar a definição de fronteiras e esclarecer a soberania do país dos cedros sobre território que reclama Israel.